Duração

Tamanho do Grupo

Esta rota propõe uma viagem desde Chaves até Peso da Régua, passando por Vila Pouca de Aguiar e Vila Real, seguindo a Linha Ferroviária do Corgo, desactivada, que servia toda a região.

Chaves desenvolve-se ao longo do vale do rio Tâmega e possuí um importante património arquitectónico, com destaque para a ocupação romana até ao início do século III, tendo deixado o testemunho através da ponte de Trajano, construída sobre a via romana Bracara-Astúrica, e os balneários termais de águas mineromedicinais.

Vila Pouca de Aguiar está situada entre as serras do Alvão e da Padrela, e possui um amplo património histórico e cultural, com relevo para o Castelo de Aguiar da Pena, o complexo mineiro romano e as termas das Pedras Salgadas.

Vila Real é capital de distrito com o mesmo nome, e tem como companhia a Serra do Marão. Possuidora de um vasto património, com importância para as diversas casas brasonadas e a aldeia de Bisalhães, onde se produz artesanato de barro preto.

Peso da Régua é a capital da região duriense, que é Património Mundial da Humanidade, onde o rio Douro e seus afluentes, criaram uma paisagem de uma beleza agreste e misteriosa.

As encostas íngremes, aguardaram pela intervenção do homem, que introduziram a cultura da vinha em grandiosos socalcos para produzirem o famoso Vinho do Porto.